O que fiz após a formatura da faculdade

14 de abril de 2015



Este post é pra falar um pouquinho sobre esse pós-témino-faculdade. Acho que até tenho algum texto do tipo "Querida faculdade" em algum lugar, pois não importa se o relacionamento foi fácil ou dificil, términos deixam saudade. Para quem não sabe eu me formei em Psicologia em abril do ano passado. Como muitos sabem o período que antecede a formatura é meio caótico, porque o seu futuro está incerto e você passa da condição de estudante automáticamente para a posição de desempregado. Então, eu vou contar um pouquinho do que eu fiz nesse período de um ano. 

Quando eu estava no último ano da faculdade de Psicologia  me inscrevi em alguns concursos públicos e acabei por passar em um. Mas, você também pode sair espalhando seu currículo por diversos lugares. Vai que dá certo? Além do mais, um concurso pode demorar bastante para ser homologado, leva cerca de dois anos, até você ser chamado para trabalhar. Tenha o plano B!

Depois que me formei o meu concurso não tinha sido homologado e eu percebi que uma área na Psicologia que emprega bastante é a organizacional, que envolve treinamento, recrutamento, seleção, gerenciamento de conflitos, dentre outras coisinhas. Se você gosta de todas as áreas que o seu curso oferece, é interesse dá uma pesquisada no que o setor privado está contratando. Em geral, eles pedem experiência, e ás vezes se você tiver estagiado naquela determinada área, provavelmente você terá mais chance de conseguir o emprego. 

Eu não tenho experiência na área organizacional. E o que me restou fazer? Comecei a estudar para um seletivo da prefeitura, que estavam oferecendo um contrato de seis meses. Estudei bastante e consegui a vaga. Trabalhei seis meses na área de projetos sociais, eu não gostei muito, porque era muito burocrática e eu não lidava com o público. Só com prazos e metas. Muito cansativo!

Depois que o meu contrato acabou, eu ainda não tinha decidido em que área eu gostaria de fazer uma pós-graduação. E até agora ainda não decidi. Mas, mesmo assim, não quero me pressionar com isso ou fazer qualquer coisa só porque todo mundo tá fazendo e como minha mãe diz eu não sou todo mundo. Não quero escolher por pura pressão e quando tiver no meio do curso, me arrepender. Porém, se você tem certeza da pós que gostaria de fazer, vai lá e faça, faça o que vai ter trazer beneficios sob o seu ponto de vista. 

E no final, eu  fiz mais duas provas de concursos, voltei para casa dos meus pais. Aquele concurso que eu passei quando ainda estava na faculdade, homologou semana passada e eu estou ansiosa para começar a trabalhar.  É interessante lembrar que os concursos menos concorridos são em cidades beeeeeem pequenas. Então, ás vezes quando você quer trabalhar na área tem que abrir mão dos grandes cidades. Contudo, enquanto você esta numa cidade pequena você pode estudar para concursos em cidades maiores ou mais perto dos grandes centros.

Entretanto, ás vezes você  pode não conseguir empregos na sua área. Que tal arrumar um emprego em outra área, pode ser frustrante, mas pelo menos você não fica parado e ainda faz uma graninha para se qualificar profissionalmente. Eu gostaria de trabalhar numa livraria, com crianças ou alguma coisa que envolva comida, tipo a Cacau Show.

Por fim, trouxe uma imagem com dicas que resume mais ou menos o texto.
Na questão do "Faça Contatos", é simples, se você está na faculdade conheça o máximo de pessoas da sua área. Se você se formou, faça contatos com pessoas da sua área. Não precisa ser exatamente com pessoas da sua área, mas faça contato com pessoas que vão te enriquecer em questão de conhecimento, novidades na sua área e contatos com pessoas que podem te ajudar a ter oportunidades de emprego. Além do círculo de amizades da faculdade, você pode participar de um seminário, uma palestra, um congresso. Tudo é oportunidade de agregar conhecimento e pessoas! Você só precisa estar atento.


Basicamente esse é um resumo da minha trajetória de recém-formada. E a sua? Quer dividir comigo?

6 comentários:

  1. Ah, que linda essa foto!

    Parabéns pelo concurso, espero que te chamem logo!

    Comigo foi assim, quando formei, antes da colação, passei um concurso pra professor substituto ( contrato de dois anos) mas so fiquei um ano pq mudei pra França. Ai aqui comecei a fazer o mestrado, durante o segundo ano do mestrado fiz um ano de psicologia pq eu precisava de conhecimentos da area pra minha pesquisa. Terminei o mestrado, gravida de algumas semanas.
    Ai vc sabe do resto, né? fiquei por conta do Gabriel. Agora estou terminando outro mestrado , terminando um contrato de dois anos na faculdade, tentando escrever meu projeto de doutorado. E ja tenho q procurar outro emprego, de qualquer area, para poder bancar meu doutorado.

    beijo

    ResponderExcluir
  2. Ha, Gabriel esta grande naquela foto. Mas a viagem que estou contando é do ano passado. Vou fazer um post com fotos recentes dele.

    ResponderExcluir
  3. Ai Anna, esse seu post me fez pensar na minha faculdade. Ano que vem eu termino e tá dando medo, sério.. Amo minha área, tem muitos caminhos pra trilhar, mas vivo com medo das coisas não darem certo. Mas ao mesmo tempo to ansiosa pra terminar a faculdade e por em prática o que eu aprendi. São sentimentos conflitantes, a vida é difícil..
    Obrigada por compartilhar sua trajetória.
    beijos.
    http://www.amandatelo.com/

    ResponderExcluir
  4. Terminei minha faculdade faz 1 ano e meio e realmente fiquei assustada, digo, já estava trabalhando como efetivada fazia mais de 6 meses, mas é quando você percebe que você agora tem compromisso, que não está mais na faculdade, fiquei assustada!
    Mas as dicas foram ótimas ;)

    Beijoos, Love is Colorful

    ResponderExcluir
  5. Ainda não comecei a faculdade, mas terminei a escola ano passado e fiquei muito assustada! Agora estou procurando um emprego para poder bancar a faculdade, e tenho certeza de que quando eu terminar vou ficar assustada de novo. Sua foto ficou linda! gostei muito das dicas, não consigo ficar atoa por muito tempo e já to procurando por cursos haha.
    Beijos
    www.umdiarioqualquer.com

    ResponderExcluir
  6. Terminei e logo consegui emprego na área, com muita sorte e ajuda divina já que meu curso não é tão comercial, mas enfim, dá um medinho mesmo. Eu amo psicologia e quero muito cursar um dia. bjs

    ResponderExcluir

"Eu não entendo de moda.Eu entendo do que eu gosto..."

*Sugestões,Criticas, Dúvidas e elogios,são bem-vindas!
Email:Contato@eucriomoda.com, adicione-me!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...