{Animação} A pequena loja de suicídios (2012)

11 de setembro de 2014




"O suicida na verdade não quer se matar mas quer matar a sua dor."
(Augusto Cury)
Sinopse:
Em uma cidade triste e depressiva, as pessoas não tem mais passatempos, e o comércio mais lucrativo é uma loja com produtos para suicídio. São cordas, venenos e outros instrumentos para ajudar cada cidadão a encurtar sua vida. O único problema é quando a proprietária da loja engravida e dá à luz a um filho alegre, repleto de vida.
Animação européia dirigida por Patrice Leconte.


A familia Tuvache é composta por um casal e seus três filhos, o caçula é Alain, é a  ovelha branca da família. Como o negócio da família é oferecer uma morte requintada eles esperam que os clientes nunca retornem, por isso o lema é "Morte ou reembolso". Com uma atmosfera cinzenta, humor negro, pessoas carrancudas e algumas  crianças querendo pessoas mais contentes com a vida. É neste clima que se passa a animação que no final traz uma lição de moral. Creio que é uma animação interessante e pode ter diversos olhares para um tema que é considerado um tabu. 
Com certeza você vai lembrar um pouco das animações de Tim Burton e a familía Addams. A fotografia é maravilhosa! 
Li muitas pessoas dizendo que é uma animação para adultos, creio então que você deverá assistir primeiro e ter sua opinião caso deseje compartilhar com crianças. 

O que eu gostei:
Uma coisa que me chamou a atenção é a morte usada como um negócio “Se sua vida foi um fracasso, pelo menos a morte será um sucesso”, fala a certa altura  Mishima, dono do estabelecimento. Como o sofrimento das pessoas é aproveitado não só no sentido capitalista, mas  também em como as relações humanas se tornaram frias.  Como a vida e a "morte" é rentável, a maioria de nós não mede esforços para buscar melhores médicos e remédios para que nós e as pessoas que amamos vivam mais. E nisso tudo, no nosso desespero e sofrimento, sempre aparece os que se aproveitam do que sentimos e do que temos,  não é diferente para quem busca a morte.
Outro ponto interessante é, pode soar contraditório com o que escrevi acima, mas até que ponto temos o direito de interferir na vida ou na morte do outro? Creio que algumas religiões (Não tenho conhecimento para dizer que todas são assim) consideram pecado, já a filosofia considera essa questão um direito da pessoa escolher. E vocês o que acham?
E por último, e não menos importante, eu notei que a loja recebe variados tipos de pessoas, diferentes classes sociais, ou seja, "vontade de morrer" não distingue uma classe da outra, a desesperança pode afetar qualquer um. 

O que eu não gostei:
Não sou muito fã de animações tipo musical e nesse tem bastante gente cantando, achei um pouco chato isso, apesar de que você tem que prestar atenção na letra das canções, pois elas complementam os diálogos da animação. E achei o final do filme um pouco bobo, esperava algo mais profundo e reflexivo. Mas não vou falar mais sobre isso, assista, não crie expectativas, o titulo é mais interessante que o final da obra.  

3 comentários:

  1. Ah, eu adorei o trailer... Fiquei morrendo de vontade de ver o filme completo, parece ser super divertido (e fofo)!

    ResponderExcluir
  2. Amei o trailer, e é francês <3

    Comprinhas do mês no blog, vamo lá?
    Blog: Wow, Lovely!
    Peixinhos ;**

    ResponderExcluir
  3. A animação parece ser ótima e eu sou como você também, não sou muito fã de animações musicais <3

    Beijoss
    www.conversandocomalua.com

    ResponderExcluir

"Eu não entendo de moda.Eu entendo do que eu gosto..."

*Sugestões,Criticas, Dúvidas e elogios,são bem-vindas!
Email:Contato@eucriomoda.com, adicione-me!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...